Mesmo que as campanhas de otimização em SEO e demais ferramentas de posicionamento orgânico nos motores de busca sejam cada vez mais centrais no marketing digital, o tráfego pago ainda é um fator indispensável para gerar mais competitividade para a sua marca na web! 

Nesse cenário, o Google Adwords é um item primordial em qualquer estratégia, pois permite a promoção rápida e flexível de qualquer tipo de site, seja nos resultados das pesquisas feitas no buscador, em redes sociais da empresa, como o Youtube e o Facebook, ou até em portais parceiros, que já representam mais de 95% de todos os websites disponíveis nas buscas.

A seguir, vou falar um pouco mais sobre como esses anúncios podem ser feitos de acordo com o perfil da sua empresa e quais as melhores maneiras de otimizar os seus resultados junto ao público através de landingpages promovidas no Adwords!

Saiba como anunciar pelo Google Adwords por meio de Redes de Pesquisa

Conforme eu mencionei anteriormente, o Google Adwords é uma ferramenta extremamente flexível, não apenas por democratizar os anúncios para empresas de qualquer porte, mas também por oferecer diversos modelos de investimento.

O primeiro é por meio de Redes de Pesquisa, em que uma lista de palavras-chave relacionadas ao negócio é elaborada, a fim de destacar o link em questão sempre que uma pesquisa com algum desses termos for feita.

Se a ideia de otimização em SEO é utilizar palavras específicas e conteúdo relevante para que o algoritmo do Google reconheça o seu conteúdo como a melhor opção nas pesquisas de usuário, as Redes de Pesquisa pagas tornam esse processo mais célere e ainda mais efetivo.

A possibilidade de pagar para ocupar as melhores opções nos resultados de pesquisa ainda torna possível retroalimentar o tráfego de determinadas páginas de maneira constante, até que o posicionamento por determinados termos se torne orgânico.

Tenha em mente, porém, que não basta simplesmente utilizar palavras-chave com grande volume de busca: elas precisam estar intimamente relacionadas ao seu negócio, corresponder com o comportamento previsto para o seu público-alvo e ser bem segmentadas, para que não ocorra concorrência excessiva pelos seus resultados.

Se você vende camisetas online, por exemplo, não adianta simplesmente definir um termo com grande volume de buscas e associá-lo ao seu site. É preciso prever o comportamento dos consumidores e determinar palavras que correspondam às suas expectativas no momento em que digitam algo e procuram resultados no Google!

Ainda no exemplo das camisetas, se você vende peças estampadas para jovens, procure investir em situações como “camisetas estampadas”, “camisetas geek” ou outros termos específicos, que conversem com o conteúdo de seus produtos, como “camisetas séries”, por exemplo.

Por mais que palavras abrangentes, como “roupas” ou “moda”, tenham milhões de pesquisas, elas não guiarão as pessoas até aquilo o que você oferece de fato – e ainda apresentarão um alto índice de concorrência pelas melhores posições na busca, tornando seus gastos maiores e menos efetivos.

Confira as oportunidades oferecidas pelas Redes de Display

Nas Redes de Display, os próprios sites de propriedade do Google ou parceiros indexados são os responsáveis pelos anúncios, aproveitando-se do interesse dos usuários pelo conteúdo para apresentar banners, imagens interativas, gráficos, textos, materiais dinâmicos, entre outras formas de divulgação de links.

Nelas, é você mesmo quem escolhe os websites específicos que apresentarão as suas peças de divulgação, ou até mesmo temas segmentados de conteúdo, para que tudo o que você divulgar seja visto apenas pelas pessoas que realmente tenham interesse em seu segmento!

Nessas redes, você ainda pode indexar os seus produtos no Google Shopping, em que o preço, a descrição e uma imagem são expostas de maneira prática e rápida já no momento da pesquisa, com possibilidade de clique para compra imediata.

A principal vantagem do modelo é a praticidade e o dinamismo na criação dos anúncios, que não dependem necessariamente da qualidade e relevância do conteúdo mantido periodicamente pela empresa, mas principalmente do alinhamento entre ofertas promovidas e seus termos com o interesse momentâneo do público-alvo.

Entre as duas opções apresentadas, não existe escolha certa ou errada: o importante é compreender as necessidades do seu negócio e quais são as metas que podem ser atingidas com o orçamento disponível.

Enquanto a primeira situação é mais indicada para trabalhos que envolvam mais esforços de engajamento de público e qualificação da página junto ao algoritmo que direciona as pesquisas, a segunda é melhor para divulgações pontuais, retroalimentação de páginas e até promoção de landingpages!  

Otimize a sua interação com o público com landingpages promovidas no Adwords

Conhecidas como páginas de conversão, as landingpages visam induzir os usuários a preencher um formulário com seus dados, para que as empresas tenham informações úteis para conduzir sua jornada de vendas.

Ao contrário de websites tradicionais, que apresentam um alto volume de informações, as landingpages trazem alto apelo visual e textos extremamente objetivos, a fim de persuadir o comportamento dos internautas.

Para que a ferramenta gere o engajamento esperado, é necessário oferecer uma contrapartida, como o download de um ebook, a assinatura de um newsletter, o contato de um vendedor ou até um cupom de desconto.

Mais que induzir as pessoas a fornecerem dados estratégicos de venda, é primordial que cada vez mais usuários tenham acesso à sua oferta – e é justamente nesse quesito que o Adwords gera resultados incomparáveis!

Ao garantir uma landingpage bem posicionada nos resultados das buscas realizadas no Google, um público cada vez maior e mais bem segmentado encontrará aquilo o que você tem a oferecer.

Além de ampliar as suas possibilidades de conversões e melhorar a sua percepção de marca, a ferramenta proporciona a construção de um verdadeiro relacionamento online com os seus consumidores de interesse.

Tenha em mente que o principal fator avaliado pelos algoritmos de busca é a qualidade da sua landingpage, por isso não invista muito dinheiro na sua campanha sem antes garantir uma oferta e um conteúdo que possuam relevância.

Por outro lado, quanto melhor for a experiência fornecida aos usuários, menor será o valor pago pelos cliques em suas promoções, por isso finalizo esse artigo reforçando a importância do alinhamento entre as palavras-chave e investimentos com aquilo que você realmente apresenta ao seu público na web!

Gostou dessas dicas para melhorar o seu desempenho com marketing digital? Algum conceito ficou de fora do meu resumo e você considera importante para o tema? Então deixe um comentário com a sua opinião sobre o assunto.